HOTEL DA MONTANHA

Blogs

Uma refeição típica da Montanha

14-09-2020

Uma entrada regional

 

Maranho

 

O Maranho é um enchido regional envolto no bucho da cabra ou da ovelha e recheado com carne de cabra, arroz e hortelã. Depois de feito é cozido em água e está pronto a ser provado.

 

No Restaurante Sabores da Montanha poderá provar esta iguaria tradicional enquanto aproveita a magnifica vista que rodeia o Restaurante. Para deixar o leitor com água na boca aqui fica uma foto da iguaria feita no restaurante.

 

 

 

Um prato principal à moda da Montanha

 

Chanfana

 

Na véspera corta-se a cabra aos bocados, que passará o dia a marinar em vinha-de-alhos até ao dia seguinte. Quando o sol voltar a nascer, põe-se o tacho ao lume e junta-se a carne de cabra, cravinho, louro e deixa-se estar a ferver. A meio da cozedura deita-se um copo de aguardente, tapa-se o tacho, ficando a ferver até estar cozida e terem passado os cheiros da aguardente e do vinho, processo que costuma demorar entre cinco e seis horas. Como acompanhamentos a chanfana leva batata cozida e um bocadinho de salsa.

 

 

Uma sobremesa típica na Sertã

 

Tigelada           

   

A tigelada é um prato tradicional no interior de Portugal e na zona da Sertã não é exceção. Esta fantástica sobremesa começa por ser preparada num tacho de barro onde são batidos ovos, açúcar e casca de limão, juntando-se depois o leite. Antes de coloca no tacho para ir ao forno retira-se a casca de limão. O tempo de cozedura ronda os 60 minutos. Passado esse tempo é retirado do forno e colocado na mesa de onde as fatias serão cortadas diretamente para o prato.

 

 

Um ótimo digestivo

 

Licor de Medronho

 

O medronho é uma fruta que cresce nos medronheiros que preferem as vertentes voltadas a norte das serras para criarem as suas raízes e crescerem. Para fazer o Licor de Medronho a fruta é fermentada em tanques de madeira, barro ou cobre. Uma vez dentro dos tanques dá-se início à fermentação natural que terá uma duração entre trinta e sessenta dias. No entanto para alcançar o sucesso é necessário cobrir os tanques com frutos esmagados para evitar o contacto com o ar. Depois de fermentado o produto deve ser guardado durante sessenta dias e bem protegido do ar. Só depois estará pronto a servir à sua mesa.

 

Esta é uma alternativa para o seu digestivo após uma refeição bem tradicional.

Tags: